half banner
Eventos
feed   Você está em: Eventos de Teatro
A+ | a-
A Toca do Coelho
Não indicado para menores de 12 anos
Publicado em: 04/03/2015 pela equipe do Brasília Web

A Toca do Coelho

Texto sobre um drama familiar deu ao autor americano o prêmio Pulitzer 2007 e várias nomeações ao Tony em 2008.

   

Local: Teatro da UNIP
Data: de 20/03/2015 a 22/03/2015

Um texto contemporâneo sobre perda, culpa, dor e também superação, recomeço e perdão. A montagem inédita no Brasil de “A toca do coelho” mostra o drama de uma família atingida por uma tragédia que irá reconfigurar as relações e traçar um novo caminho para todos os envolvidos. Trazendo na direção Dan Stulbach, conhecido principalmente por seu trabalho como ator, onde já ganhou prêmio Shell e APCA por seu desempenho nos palcos, o projeto marca a estreia dele como encenador. Após uma temporada de sucesso em São Paulo e no Rio de janeiro, a turnê nacional não ficou por menos e passamos com o espetáculo em grandes capitais: Vitória, Belo Horizonte, Florianópolis, Porto Alegre, Recife, Natal, Fortaleza e Salvador. Em 2015 iremos para São Luís, Maceió, Brasília, Londrina e retornaremos para mais uma temporada em São Paulo a partir de março de 2015.

Grande sucesso na Broadway, “A toca do coelho” foi escolhido melhor texto no seu ano de estreia. Na ocasião, a atriz Cynthia Nixon - de Sex in The City – recebeu o Prêmio Tony de melhor atriz pela encenação da personagem Becca. Em 2010, Nicole Kidman convenceu o autor a roteirizar Rabbit Hole para o cinema e concorreu ao Oscar como melhor atriz por sua atuação como Beca em 2011. No Brasil, o filme recebeu o nome “Reencontrando a Felicidade”. A montagem brasileira foi contemplada com prêmio Qualidade Brasil 2013 de melhor atriz de Drama para Maria Fernanda Cândido.

David Lindsay Abaire é um consagrado escritor e letrista americano. Com Rabbit Hole - A Toca do Coelho - ele ganhou o prêmio Pulitzer de 2007 e várias nomeações ao Tony em 2008 pela montagem teatral. Formado em artes cênicas, David, logo após se formar, foi aceito para fazer parte do Programa para Escritores na Julliard School, em Nova Iorque. Autor do livro do Shrek, o Musical e letrista das canções do mesmo, além de vários outros textos teatrais, recentemente David escreveu o roteiro do filme Rise of the Guardians para a Dream Works.

Simone Zucato, idealizadora e produtora do projeto, juntamente com Valdir Archanjo e Bira Saide, escolheu, adaptou e traduziu o texto de Lindsay-Abaire. Simone, que na peça interpreta Isa, Valdir Archanjo e Bira Saide, convidaram Dan Stulbach e o elenco. Simone “Fiquei atrás de um texto por dois anos e quando li A toca do coelho tive certeza que era o que eu estava procurando. Depois disso foi uma luta para conseguir comprar os direitos e montar o espetáculo”, conta.

A peça se passa na casa dos Corbett. Beca (Bianca Rinaldi) e Paulo Corbett (Anderson Di Rizzi) precisam retornar à sua existência cotidiana, após uma perda chocante e súbita. Oito meses antes, eles eram uma família feliz com tudo que queriam. Agora, eles estão presos em um labirinto de memórias, desejos, culpas, recriminações e raiva, e seguem caminhos opostos neste labirinto. Enquanto Beca encontra dor nas lembranças familiares, Paulo encontra conforto. Beca tenta lidar com as questões familiares com sua irmã, Isa (Simone Zucato) e sua mãe Nat (Neusa Maria Faro), e estende a mão para o adolescente (Rafael De Bona) envolvido no acidente que provocou todas as mudanças em suas vidas. O casal tenta reencontrar o seu caminho de volta para uma vida que ainda tem potencial para o riso, a beleza e a felicidade.

O resultado desta jornada é uma visão intimista dos dois que precisam reaprender a se envolver um com o outro. Assim, perdidos em seu sofrimento, os Corbett fazem escolhas surpreendentes para seu futuro.

Para a encenação o cenário ‘clean’ e sugestivo de André Cortez, mostra abertamente a casa da família e tem quase todos os cômodos. “Não é uma casa realista, é possível ver entre as paredes. Quem está na plateia pode se sentir dentro da casa, parte da família”, explica Zucato. Completam a ficha técnica Marisa Bentivegna no Desenho de Luz, Adriana Hitomi assinando os figurinos e Daniel Maia, responsável pela trilha sonora original e Composta.

FICHA TÉCNICA:
Autor: David Lindsay Abaire
Tradução Brasileira e Adaptação: Simone Zucato e Alessandra Pinho
Direção Geral: Dan Stulbach
Elenco: Bianca Rinaldi, Anderson Di Rizzi, Neusa Maria Faro, Simone Zucato e Rafael De Bona
Cenários: André Cortez
Desenho de Luz: Marisa Bentivegna
Figurinos: Adriana Hitomi
Trilha sonora Original e Composta: Daniel Maia
Fotografia: Jairo Goldflus e Priscila Prade
Fotos de Cena: João Caldas e Priscila Prade
Preparador Corporal: Leandro Oliva
Preparadora Vocal: Edi Montecchi
Design Gráfico: Alessandro Romio
Designer de Som: Bruno dos Reis
Vídeo Mapping: BiJari
Projeção e Cenografia: Ledcom e Metro Seis Cenografia
Voz do Dani: Guido Prado Tomazoni
Diretora Técnica: Deborah Zatz
Assessoria Jurídica: Francez & Alonso Advogados
Marcio Bellocchi da BKBG Sociedade de Advogados
Site e Mídia de Internet: Erik Almeida
Make Up de Fotos: Renata Martins, Hideko e Walmir
Hair Stylist de Foto: Daigo Yamakawa
Microfonista, Operador de Vídeo Mapping e Som: Bruno dos Reis
Operador de Luz: Marcus Filomenus Filó
Técnico de Vídeo Mapping: Anselmo Francisco dos Santos
Contraregra e Maquinista: Rogério Febraio e Luciana Cuono
Camareira: Sueli Santos e Luciane Pessanha
Costureiras: Vanderlene Barbosa e Valkiri
Cenotecnico SP: Estevão do Nascimento, Antônio Júlio Costa Madeira
Serralheria SP: Joaquim Antônio Rodrigues
Pintura Cenário SP: Anderson S. Rodrigues, Fabio de Sousa, Leandro B. de Souza.
Cenotecnico, Serralheria e Pintura cenário RJ: Camuflagem Cenografia.
Coordenador Financeiro U.S.SAIDE: Ubirajara Sad Saide
Gerente Financeiro SPZ e ASA: Victor Fioravanti
Marketing Cultural SP: Ricardo Homuth
Marketing Cultural RJ: Ghéu Tibério
Assistente Marketing Cultural RJ: Glória Diniz
Assistentes de Direção: André Acioli e Otavio Dantas
Assistente de Cenografia: Carol Bucek
Assistente de Iluminação: Patricia Savoy
Assistente de Produção: Elis Braga e Mag Flausino
Produção Executiva: Tatiane Zeitunlian, Daniele Pereira e Ubirajara Saide
Direção de Produção: Valdir Archanjo e Bira Saide
Produtores Associados: Simone Zucato, Valdir Archanjo e Bira Saide
Realização: Asa Produções Culturais, U. S. SAIDE Produções Culturais e Artísticas e SPZ Produções Artísticas.

“A TOCA DO COELHO”
Dias: 20, 21 e 22 de março de 2015
Horários: Sexta, sábado às 21h e domingo às 20h
Local: Teatro Ulysses Guimarães – UNIP, 913 Sul
Ingressos: R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia)
Vendas pelo site: www.ingressorapido.com.br
Classificação indicativa: 12 anos
Produção local: Calafiori Produções

Informações extras (currículos):

David Lindsay Abaire - Autor
David Lindsay Abaire é um consagrado escritor e letrista americano. Com Rabbit Hole - A Toca do Coelho - ele ganhou o prêmio Pulitzer de 2007 e várias nomeações ao Tony em 2008 pela montagem teatral, na ocasião Cynthia Nixon ganhou o Tony por melhor atriz no papel de Becca. Formado em artes cênicas ele posteriormente foi aceito para fazer parte do Programa para Escritores na Julliard School, em Nova Iorque. Na ocasião, seus tutores foram Marsha Norman e Christopher Durang. David também é o autor do livro do Shrek, o Musical e letrista das canções do mesmo, além de vários outros textos teatrais. Em 2010 a atriz Nicole Kidman o convenceu a roteirizar Rabbit Hole para o cinema e concorreu ao Oscar como melhor atriz por sua atuação como Beca em 2011. No Brasil o filme recebeu o nome Reencontrando a Felicidade. Recentemente David escreveu o roteiro do filme Rise of the Guardians para a Dream Works.

Dan Stulbach - Concepção e Direção Geral
Estreou profissionalmente protagonizando Peer Gynt, de Ibsen. Fã de Paulo Autran, que conheceu ainda no início da carreira e de quem viria a se tornar amigo, trabalhou em Visitando o Sr. Green. Fez também assistência de direção com Elias Andreato, Marco Nanini e Naum Alves de Souza. Em 2002 entrou em cartaz com o espetáculo Novas Diretrizes em Tempos de Paz, e passou a ter Tony Ramos como companheiro de cena. O espetáculo, grande sucesso de crítica e público, rendeu ao ator os prêmios da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) e Shell de melhor ator. A peça foi transformada em filme, sob direção de Daniel Filho. Em 2006 integrou o elenco da peça Dúvida, dirigida por Bruno Barreto. Em 2010 protagonizou a peça 39 Degraus, baseada em obra de Alfred Hitchcock. Atualmente, é diretor artístico do Teatro Eva Herz, localizado na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, em São Paulo. Estreou na televisão em 1997, na novela O Amor Está no Ar. Voltou à televisão em 2001 na minissérie Os Maias, interpretando Kraft, um aristocrata inglês. No ano seguinte, faz uma participação especial na novela Esperança. Em 2003 interpretou o personagem Marcos na novela Mulheres Apaixonadas, alcançando sucesso de critica e publico. Após diversos papéis, interpretou seu primeiro protagonista em 2008, na minissérie Queridos Amigos, baseada no livro Aos Meus Amigos de Maria Adelaide Amaral, e em 2011 participou da novela Fina Estampa, ambos trabalhos na rede Globo de Televisão. No cinema, seu primeiro longa-metragem foi o filme Cronicamente Inviável dirigido por Sérgio Bianchi, em 2000. No ano seguinte atuou nos filmes Mater Dei, dirigido por Vinícius Minardi e Viva Voz, de Paulo Morelli. Em 2005, atuou em Mais Uma Vez Amor, dirigido por Rosane Svartman; em 2006 fez o filme Living the Dream e em 2008, fez o filme Dias e Noites. Em 2010, fez A Suprema Felicidade, filme de Arnaldo Jabor. Desde 2006, apresenta na rádio CBN o programa Fim de Expediente.

Bianca Rinaldi
Inicialmente conhecida como uma das paquitas do programa da Xuxa nos anos 90, Bianca Rinaldi tornou-se o exemplo perfeito da profissional que busca evoluir sempre e se superar a cada novo trabalho.

Após estudar interpretação, trilhar um caminho de sucesso e conquistar seu próprio espaço,a estréia como atriz de televisão aconteceu em Malhação (1997), na TV Globo. Desde então, a carreira de Bianca se caracteriza por uma ascensão constante, com a conquista de papéis cada vez mais importantes dentro das tramas. No trabalho seguinte, Chiquititas (1998) – parceria do SBT com a argentina Telefer –, ela interpretou Andréia, sua primeira vilã, e nos anos seguintes foi alçada à condição de protagonista em Pícara Sonhadora (2001) e A Pequena Travessa (2002) ambas no SBT.

O ano de 2004 marcou um momento decisivo para Bianca. Contratada pela Record, ela foi convidada por Herval Rossano para reviver uma das personagens mais importantes da teledramaturgia brasileira: a própria Isaura no remake de “A Escrava Isaura”. “Sem dúvida esse trabalho foi um marco na minha carreira”, afirma a atriz. A novela foi um sucesso e firmou Bianca como uma das principais atrizes da nova geração.

Na seqüência, ela interpretou Joana em Prova de Amor (2005), e dois anos depois se consolidou como o principal nome da emissora ao protagonizar Caminhos do Coração, dando vida à Maria, participou ainda das novelas Em Familia – TV Globo em 2014, Se eu Fosse Você – Fox Nrasil em 2013, Jose de escrava a Governador TV Record em 2013, O madeireiro Tv record em 2011, Ribeirão do Tempo Tv Record em 2010, Os Mutantes Tv record em 2008, Caminhos do Coração TV Record em 2007, Prova de Amor TV Record em 2005, A Ecrava Isaura TV Record em 2004, A Pequena Travessa SBT em 2002, Malhação TV Globo e, 1997, entre outras.

No teatro, Bianca tem no currículo sete peças. A estréia foi em 1999 com “As Meninas”, de Lygia Fagundes Telles. Seguiram-se então “Aluga-se um Namorado”, “Tudo de Mim”, “A Pedra Mágica”, “Jeitinho Brasileiro”, “A Vida Íntima de Laura” e “Amor de Comédia”. O cinema é uma meta a ser alcançada para a atriz, que embora já tenha participado de alguns filmes, demonstra vontade de mergulhar no universo da chamada Sétima Arte. “Quero muito fazer cinema, além de ter mais e mais personagens na TV e no teatro”, revela.

Embora tenha recebido já em 2001 o prêmio de revelação da Academia Brasileira de Arte, Cultura e História, e esteja vivendo um ótimo momento profissional, Bianca, consciente, sabe que o caminho da interpretação é longo e que há muito pela frente. “Apesar de ter feito cinco protagonistas, tenho certeza de que ainda posso aprender e crescer dentro da profissão. Minha carreira está no caminho certo”, finaliza a jovem estrela.

Anderson Di Rizzi
Anderson nasceu na cidade de Campinas em São Paulo, sonho do ator era ser jogador de futebol onde passou pelo Guarani e Ponte Preta. Depois da desistência, Anderson começou a fazer figuração para novelas, despertando seu lado artístico, e foi morar na cidade de São Paulo onde começou a fazer campanhas publicitárias. Di Rizzi fez mais de 100 comerciais e algumas peças de teatro.

Nos anos 90, formou-se em Artes Cênicas pela Faculdade Paulista de Artes. Ficou conhecido nacionalmente por dar vida ao Sargento Xavier, na novela da Rede Globo: “Morde & Assopra”, em 2011

Ainda na Rede Globo, atuou no remake de “Gabriela”, de Jorge Amado, como Professor Josué, em 2012 . Em 2013, protagonizou o filme “O Concurso”, ao lado de Fábio Porchat e Danton Melo. No mesmo ano, fez muito sucesso ao lado de Tatá Werneck vivendo o Palhaço, apaixonado pela piriguete Valdirene em “Amor à Vida”, papel que lhe rendeu algumas indicações e o prêmio de Ator Revelação no Domingão do Faustão.

Em 2014 participou do quadro Dança dos Famosos .No mesmo ano, protagonizou o Longa Metragem “Eu te Levo”, de Marcelo Müller, pela academia de filmes .Atualmente está filmando o longa metragem “Tô Ryca”, com Marcelo Adnet e Marília Pera no elenco.

Anderson tem uma trajetória nos palcos. Em 2000, fez "Antígona", de Sófocle, com direção de Beatriz Bologna e em 2002, integrou o elenco de "O Despertar da Primavera", de Frank Wedekind. Fez "Máscaras e O Filho Pródigo", de sua autoria, direção de Mario Santana, Em 2006, atuou em "Júlio César", de William Shakespeare. Em 2007, integrou o elenco de "Tesouro de Índio", com direção de Flávio Kenna e Os Farsantes, de Flávio Kenna, direção de Paulo Perez.

Neusa Maria Faro
Aos dezenove anos abandona a idéia de ser pianista e resolve ser atriz. Muda-se para São Paulo para estudar pela EAD-USP. Inicialmente, dedica-se somente ao teatro. Em 1989 é descoberta pelos curtametragistas e atua em quatro películas entre 1989 e 1993, sendo sua estréia em 1989 em "Quase Tudo".

Na TV participou das novelas Chiquititas no SBT, Torre de Babel, O Profeta, Alma Gêmea, Caras & Bocas, Cama de Gato, Morde & Assopra, A Vida da Gente, Gabriela e Amor a Vida, todas na rede Globo de televisão, dentre outras. No teatro participou de inúmeras peças dentre quais A Noite das Mal Dormidas e As Favas com os Escrúpulos, além de ter sido integrante da Cia Estável de Repertório, sob o comando de Antonio Fagundes...

Simone Zucato
Simone Zucato é atriz, produtora teatral, tradutora e médica. Como atriz frequentou os cursos de artes cênicas do Teatro Escola Macunaíma, FAAP, O Tablado, CAL, Escola de Atores Wolf Maya, além de ter sido aluna de Camilla Amado e ter participado do grupo de estudos sobre Shakespeare com Bárbara Heliodora. Simone também estudou com os reconhecidos preparadores de atores Robert Castle do Lee Strasberg Institute de Nova Iorque, Michelle Danner, Bernard Hiller e Susan Batson (preparadora de Nicole Kidman e Juliette Binoche) em Los Angeles e em Nova Iorque e frequentou aulas no HB Institute em Nova Iorque. No teatro ela esteve em Trair e Coçar é Só Começar de Marcos Caruso, De Corpo Presente de Mara Carvalho, no infantil As Princesas do Castelo Encantado, entre outras. Na televisão participou das novelas Cama de Gato, Caras e Bocas e Casos e Acasos na Rede Globo. Seu último trabalho na TV foi em Corações Feridos, no SBT.

Rafael De Bona
Seu trabalho mais recente em teatro é a montagem Brasileira de A toca do Coelho de David Lindsay-Abare, com direção de Dan Stulbach. Iniciou suas atividades em teatro no curso de teatro juvenil do Clube Paineras do Morunby de 2006 a 2011, onde participou os espetáculos Auto da Compadecida de Ariano Suassuna, Bailei na Curva de Julio Conti, O Noviço de Martins Pena e o Despertar da Primavera de Frank Wedekind, trabalhou também com os diretores Claucia Libertini e Marcus Vinicius Arruda Camargo, nos espetáculos Muito barulho Por nada de William Shakespeare, Sob Pena de Arte, adaptação livre de Romeu e Julieta. Atualmente cursa o terceiro ano da EAD/ECA – USP em São Paulo, tendo como professores, Claudio Lucchesi, Cristiane Paoli Quito, Antonio Toscano, Isabel Setti, Ana Maria Andrede Spyer, Sandra Sproesser, Bete Dorgan, Celso Frateschi, Sivana Garcia entre outros. Em cinema participou do curta metragem Os Caminhos, direção de João Guilherme de Mello.

Realização
A realização do espetáculo está a cargo da Asa Produções Culturais e SPZ Produções Culturais.

Fonte: Amanda Guedes - Assessoria de Imprensa - MaisBrasília Comunicação
SERVIÇOS

Local: Teatro da UNIP
Endereço: SEPS 913 Sul - Brasília
Telefone do Local: ---
Data: de 20/03/2015 a 22/03/2015
Ponto(s) de Venda(s):
Vendas pelo site: www.ingressorapido.com.br

CENTRAL DE INGRESSOS

BRASILIA SHOPPING - SCN Quadra 05 Bloco A, 2º Subsolo Loja 1, G2 2º SUBSOLO - ASA NORTE - BRASILIA SHOPPING Brasília /DF

Horário de Atendimento:
Segunda a Sábado das 10:00 às 22:00
Domingo das 14:00 às 20:00.

Formas de Pagamento:
Amex, Aura, Diners, Dinheiro, Hipercard, Mastercard, Redeshop, Visa e Visa Electron.

FNAC - BRASÍLIA

PARK SHOPPING - SAI/SO Área 6580 LUC 149P - Guará - Park Shopping

Brasília /DF
Horário de Atendimento:
Segunda a Sábado das 10:00 às 20:00
Domingo e Feriado das 14:00 às 18:00.

Formas de Pagamento:
Amex, Aura, Diners, Dinheiro, Hipercard, Mastercard, Redeshop, Visa e Visa Electron.
Observação:
Não presta serviço de retirada de ingressos adquiridos pela Internet e Call Center.

RED GOLD

SRTVS, Quadra 701, Conjunto D, Bloco C, Loja 180, Centro Empresarial Brasília, Brasília Design Center - Asa Sul
Cep: 70340907
Brasília /DF
Horário de Atendimento:
Segunda a Sexta das 09:00 às 18:00

Formas de Pagamento:
Amex, Aura, Diners, Dinheiro, Hipercard, Mastercard, Redeshop, Visa e Visa Electron.
Observação:
Não presta serviço de retirada de ingressos adquiridos pela Internet e Call Center.

TEATRO UNIP


Quadra SGAS 913, 0 Bloco B - Asa Sul

Cep: 70390130
Brasília /DF
Horário de Atendimento:
Segunda a Sábado das 14:00 às 20:00

Formas de Pagamento:
Amex, Aura, Credicard, Diners, Dinheiro, Hipercard, Mastercard, Redeshop, Visa e Visa Electron.
Observação:
dia 18/02 – 14:00 às 20:00

Valor dos Ingressos:
R$ 50,00 (inteira) e R$ 25,00 (meia)



super banner
Leia mais sobre: Eventos de Teatro
Desenvolvido por: Logo PortalBSB © 2000/2022 - Portal BSB Soluções em Internet | Certificado de Acessibilidade validado pela W3C na modalidade máxima WAI-AAAA e WCAG 1.0 | Certificado de Acessibilidade do código CSS validado pela W3C | Certificado de Acessibilidade validado pelo Acesso Brasil